A flor do castanheiro Branco pertence ao grupo da INDIFERENÇA PERANTE O PRESENTE e está relacionada com as qualidades anímicas da tranquilidade espiritual e do discernimento. O Dr. Bach encontrou nela o remédio «para aqueles que não podem evitar que lhes ocorram pensamentos, ideias e raciocínios indesejados, o que costuma acontecer quando o interesse pelo momento presente não é bastante forte para encher completamente o pensamento. São ideias que preocupam e persistem, e se se descartam por um momento, regressam em seguida. Parecem dar voltas e mais voltas em redor do mesmo causando uma verdadeira tortura mental».

Ideias circulares que não cessam: pensamentos obsessivos que não conduzem a nada

No estado White Chestnut negativo somos vítima de determinadas ideias que dão voltas sem cessar na cabeça, sem que possamos libertarmo-nos delas. Estas preocupações e discussões mentais, impedem que o indivíduo possa concentrar-se em algo mais que o seu próprio diálogo interno.

Neste estado, é normal que abundem as dores de cabeça o que se tenham problemas para conciliar o sono. É típico também deste estado a falta de concentração e a fadiga, como consequência das insónias. Cedo estas pessoas continuam a falar do mesmo ainda que se lhe mude de tema.

Uma mente tranquila e calma

A flor do castanheiro Branco permite ao indivíduo estar em paz consigo mesmo, ajudando-o a controlar os seus pensamentos para que possa analisar tranquila e racionalmente a origem dos seus problemas. Aprenderá a controlar a sua imaginação, ver o seu lado positivo e retirar dai partido.

O Yoga e a Meditação em geral, e todas aquelas terapias que trabalhem com a respiração, podem ser muito úteis para ajudar estes indivíduos a controlar a sua mente.

 

Carmen Morales

By | 2017-03-30T18:23:39+00:00 Março 30th, 2017|Artigos, Artigos Recomendados, Florais de Bach|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment